Carlos Aragao

Rookie - 27 Points (10-17-1959 / Brazil)

Flor - Poem by Carlos Aragao

A mentira nao existe.
Nem a dor,
nem a flor,
nem a felicidade.

A verdade coexiste,
entre a dor,
um amor,
e a promiscuidade.

A certeza, do que sou,
e regada pela certeza da flor,
pela incerteza do amor,
e pela beleza de toda dor.

O sofrimento que nos carrega,
nesta plantacao de odores,
nos carrega um pouco mais alem,
de toda morte de sabores.

Vivemos entre mundos,
do que seriamos...
...e do que realmente somos,


Na fantasia perene de apenas uma realidade,
Perfeita!


A disputa do que seriamos,
Nao e consolo, para o que somos….
A certeza do que vivemos,
nao e consolo para o que nao fomos.

E viver na profunda infelicidade,
daquilo que nunca vamos poder,
nos nega na dor...
...a certeza da flor


Comments about Flor by Carlos Aragao

There is no comment submitted by members..



Read this poem in other languages

This poem has not been translated into any other language yet.

I would like to translate this poem »

word flags

What do you think this poem is about?



Poem Submitted: Monday, September 26, 2011

Poem Edited: Tuesday, September 27, 2011


[Hata Bildir]